RPA na área de Auditoria da empresa? Sim. Por favor!

RPA na área de Auditoria da empresa? Sim. Por favor!

Compartilhe:

 

Regis Fuchimi - CTO Grupo Qualitat


Pensar em RPA na área de Auditoria da empresa pode não parecer natural à primeira vista. Muitas vezes não consideramos as áreas de auditoria como fortes candidatos para a adoção de novas tecnologias, mas quando o assunto é Robotic Process Automation deveríamos rever essa posição.

Ao mesmo passo em que uma boa auditoria depende fortemente da habilidade do time de auditores, um bom processo de auditoria também depende de uma séria de atividades manuais e repetitivas. E é justamente nesse conjunto de tarefas que a RPA pode atuar, automatizando e liberando o tempo dos auditores para que eles possam realizar atividades de maior valor agregado para a empresa. Além disso, ao liberar os auditores da responsabilidade de executar essas tarefas manuais, a RPA faz com que o time de auditoria consiga realizar um conjunto maior de processos internos ou externos, trazendo dessa forma maior produtividade.

 

Mas que tarefas a RPA pode automatizar nas áreas de auditoria?

Naturalmente devemos fazer essa pergunta. Quando citamos acima as tais tarefas manuais e repetitivas não demos nenhum exemplo específico para as áreas de auditoria. Abaixo apresento 3 exemplos onde a RPA traz benefícios reais e de curto prazo:

  Coleta de Dados   – Os robôs de software podem assumir a responsabilidade de buscar as informações necessárias para a realização de algum processo de auditoria. Muitas vezes esses dados estão dispersos em diferentes sistemas, caixas de email e diretórios de arquivos de diferentes funcionários da empresa. Nessas situações o auditor acaba gastando um tempo precioso para reunir todas as informações que ele precisa. Por que não automatizar essa tarefa e liberar o tempo do time?

  Limpeza e Padronização dos Dados   – De forma semelhante à fase de Coleta de Dados, muitas vezes os auditores se veem obrigados a fazerem a limpeza e/ou padronização das informações coletadas antes de efetivamente poderem utilizar essas informações em suas análises. Com a aplicação da RPA, não faz mais sentido utilizar o tempo dos auditores para fazer esse tipo de atividade. Implemente robôs para resolverem esse problema.

  Validação de Informações   – Ainda falando sobre os dados que são utilizados nas análises realizadas pelo time de auditoria, é bastante comum que seja necessário validar informações obtidas na fase de Coleta antes de iniciar a análise propriamente dita. A mesma informação, obtida de fontes diferentes, pode apresentar variações e precisará ser validada/confirmada antes de ser utilizada pelos auditores. Esse passo de validação pode envolver desde consultar sistemas internos ou externos até o envio de e-mails para funcionários solicitando a confirmação do dado. Vamos colocar a tecnologia para trabalhar: crie um robô de software para executar essas validações.

 

 

Os benefícios para o time e para a empresa

Qualquer área corporativa que adote a RPA obterá benefícios nos contextos de produtividade, redução de custos, diminuição de retrabalho e melhoria de SLAs. Quando abordamos essas categorias de benefícios no contexto da área de Auditoria podemos traduzi-los da seguinte forma:

  Melhor uso do tempo do time   – Ao automatizar as tarefas manuais e repetitivas, a RPA libera tempo dos auditores para que eles executem atividades de tenham maior valor para a empresa. Ao invés de, por exemplo, gastar tempo coletando dados o time poderá realizar mais análises, análises mais completas, otimizar os processos da área, trabalhar em conjunto com as áreas de negócio para evitar problemas, etc.

  Aumento de eficiência   – Com a chegada dos robôs de software os times passam a ter uma capacidade maior de execução, pois tarefas que antes consumiam tempo dos auditores, agora são delegadas aos robôs. Além disso, esses robôs podem executar as tarefas no modelo 24×7 – quando isso fizer sentido – trazendo um aumento direto na produtividade do time. Outro ponto que vale ser ressaltado é que ao automatizar tarefas que antes eram feitas de forma manual, os robôs tendem a eliminar os erros que poderiam acontecer nas interações humanas.

  Maior abrangência das auditorias   – Como outra consequência extremamente importante advinda da adoção da RPA nas áreas de auditoria, vale citar o aumento de capacidade na realização das análises. Se antes da RPA um determinado time de auditores tinha tempo hábil para realizar um determinado número de processos, com a RPA é muito natural que esse mesmo time passe a ter condições de realizar um número maior desses processos, aumentando assim a cobertura ou abrangência das análises realizadas.

 

 

Espero que ao ler esse artigo você tenha conseguido entender um pouco mais sobre o potencial de ganhos que a RPA pode trazer para as áreas de Auditoria das empresas, ajudando a melhorar os níveis de GRC – Gestão de Risco e Compliance – das organizações, independente da área de atuação da empresa.

 

Caso você tenha interesse em conhecer outros casos de uso da RPA, recomendo a leitura do artigo ‘21 Casos de Uso para a RPA em sua empresa’ e para entender um pouco mais sobre o trabalho que fazemos com Robotic Process Automation, visite nosso site clicando aqui.

 

Para terminar: Caso você queira bater um papo sobre os benefícios do RPA para o ambiente da sua empresa, me mande um email: rfuchimi@grupoqualitat.tech